A seleção distrital sub-17 da AF Setúbal de futebol feminino perdeu, por uma bola a zero, este domingo, no Campo Municipal de Sousel, diante a congénere de Lisboa, no jogo que fechou as contas do Grupo 5 da Fase Zonal da prova interassociativa, que decorreu entre sexta-feira e hoje, na região de Portalegre.

O triunfo da representação lisboeta ficou definido logo aos 8 minutos, na sequência de um pontapé de penálti, marcado por Maria Inês Nogueira. Desfecho que veio a refletir a vitória da AF Lisboa perante as nossas sub-17 que, ainda assim, tudo fizeram para anular a desvantagem até ao apito final.

Veja aqui o golo

Perante este resultado, as contas finais estabeleceram a seguinte classificação: 1.º AF Lisboa, 6 pontos, 3 golos marcados, 0 sofridos; 2.º AF Setúbal, 3 pontos, 3 golos marcados, 1 sofrido; 3.º AF Portalegre, 0 pontos, 0 golos marcados, 5 golos sofridos.

Desta forma, a AF Lisboa qualificou-se para disputar a fase Final do Torneio Interassociações, a disputar em abril próximo, na região da Guarda, integrada no lote de equipas vencedoras dos grupos das fases zonais, a quem está reservada a participação no Grupo Ouro.

A AF Setúbal, conjunto liderado tecnicamente pelo treinador distrital, João Pedro Valente, irá competir no Grupo Prata e a AF Portalegre, no Grupo Bronze.

O treinador distrital João Pedro Valente em discurso direto:

[Balanço]

"Sentimento de satisfação e orgulho pelo desempenho das nossas atletas. Dois jogos muito representativos da competência e do talento desta geração. A vitória no jogo inaugural frente à congénere da AF Portalegre, por 3-0, assente numa exibição muito conseguida, serviu de mote para encarar o último e derradeiro jogo com a AF Lisboa, com a confiança e ambição de chegarmos ao primeiro lugar do grupo. O resultado final (derrota por 1-0, na conversão de um pontapé de penalidade), não sendo o desejado, é representativo da capacidade deste grupo, que discutiu o jogo, o resultado e o apuramento até ao último segundo".

[Futuro/Promoção do Futebol Feminino]

"A competição trouxe-nos ainda a certeza que o trabalho desenvolvido por estas atletas nos seus respectivos clubes e no espaço seleção, continuam a ser 'passos seguros' na construção do percurso formativo das jogadoras e decisivos na promoção e valorização do futebol feminino na nossa região". 

"Gostaria de deixar ainda um agradecimento a todos aqueles que durante o fim de semana se deslocaram ao distrito de Portalegre para apoiar este grupo".

 

AF Portalegre promoveu jantar oficial

Entretanto, no sábado, numa unidade hoteleira de Fronteira, a AF Portalegre promoveu o tradicional jantar oficial das comitivas participantes (AF Portalegre, AF Setúbal e AF Lisboa), num evento que reuniu autarcas de Fronteira e de Sousel, dirigentes de clubes locais, selecionadores nacionais e a equipa de arbitragem.

No evento de confraternização institucional, a AF Setúbal esteve representada pelo diretor e chefe da nossa comitiva, Amadeu Mota, o qual não hesitou em agradecer a hospitalidade proporcionada pela organização da AF Portalegre, na pessoa do seu presidente da Direção, Daniel Pina, reconhecendo, igualmente, o apoio logístico dos municípios intervenientes. 

 

Refira-se que esta foi mais uma importante jornada competitiva de promoção do futebol feminino no nosso país e que muito contribuiu para o reforço do fomento da modalidade também na nossa região, cujas atletas da AF Setúbal, apoiadas por muitos familiares, exibiram as suas qualidades e dignificaram as cores da nossa associação.