Os jornais desportivos de maior expressão nacional não hesitaram em destacar, esta quinta-feira, o feito conseguido ontem, na Madeira, pela equipa do Clube Desportivo da Cova da Piedade (Liga LedmanPro) no reduto do primodivisionário Marítimo (Liga NOS).




No jogo que abriu a ronda 5 da edição 2017/18 da Taça de Portugal ‘Placard’, o conjunto piedense – o único representante da AF Setúbal ainda em prova – soube ultrapassar as dificuldades (após 120 minutos de jogo [0-0] e a marcação dos pontapés de penálti [2-4]) e festejou a passagem aos quartos-de-final da Prova Rainha, o que acontece pela segunda vez, 46 anos depois, na história do clube.

 

Recorde-se que a primeira presença dos piedenses nos ‘quartos’ da Taça foi na época 1971/72. Na altura, na Cova da Piedade, o Benfica acabou por travar os “azuis/grenás” por 6-3.

 

Quase meio século depois, eis que a formação piedense volta a garantir a qualificação para uma fase onde vão entrar os oito melhores da prova. Fato que a AF Setúbal saúda, com particular, entusiasmo.

 

Até ao momento, recorde-se que o CD Cova da Piedade, agora treinado pelo ex-selecionador da AF Setúbal, Bruno Ribeiro, já deixou pelo caminho, pela respetiva ordem, o Minas de Argozelo (0-4); Anadia (1-1 [4-3, pp]; Sporting Ideal (1-4), e Marítimo (0-0 [2-4, pp].

 

Técnicos ligados à região em destaque na Liga dos Campeões

 

No plano do futebol internacional, destaque para o registo positivo do treinador Paulo Fonseca, antigo jogador do FC Barreirense e responsável técnico do Pinhalnovense, que garantiu, ao serviço dos ucranianos do Shakhtar Donetsk, a passagem aos oitavos-de-final da competição.

 

Um desfecho que motivou Paulo Fonseca a comparecer fantasiado de Zorro, na conferência de imprensa, no final do jogo (2-1, frente ao Manchester City) realizado esta quarta-feira, e que ditou o apuramento.



 

Sem recurso a uma vestimenta pouco habitual, José Mourinho esteve em igual plano de destaque na ronda que fechou a fase de grupos da Liga dos Campeões.

 

O treinador setubalense liderou o Manchester United a mais um triunfo e carimbou o apuramento do emblema inglês aos ‘oitavos’ da liga milionária.