A AF Setúbal, representada pelo presidente da Direção, Francisco Cardoso, e pelo diretor, Rui de Carvalho, esteve, no dia 4, no âmbito da Cerimónia Anual do Cartão Branco/Fair Play, em particular destaque ao ser distinguida como entidade pioneira na adesão à iniciativa dinamizada pelo Plano Nacional de Ética no Desporto (PNED).



 

No evento, realizado no Museu Nacional do Desporto, em Lisboa, onde marcaram presença diversos dirigentes federativos e associativos, em representação de diversas modalidades, cujas instituições aderiram ao programa que promove e reconhece os comportamentos eticamente relevantes no desporto de competição, a AF Setúbal foi dada como exemplo demonstrativo da evolução do incremento do Cartão Branco/Fair Play.

 

Apresentamos abaixo alguns dos gráficos exibidos no evento, nos quais sobressaem os registos da AF Setúbal, tendo em conta os mais recentes números de amostragem de cartões brancos:

 

 

 

 




 

Presidente da AF Setúbal garante reforço de compromisso

 

O fato da AF Setúbal ter integrado o projeto-piloto, ou seja está na origem da iniciativa, em 2014/15, motivou os responsáveis do PNED a um agradecimento institucional à nossa associação.

 

Oportunidade aproveitada pelo presidente da Direção da AF Setúbal, Francisco Cardoso, para reforçar publicamente o compromisso que a nossa entidade tem para com a promoção do projeto.



 

“Este é um momento para lembrar a determinação com que o ex-presidente da Direção da AF Setúbal, Joaquim Sousa Marques, teve na envolvência da associação neste projeto, desde a primeira hora”, começou por elogiar.

 

“A AF Setúbal está focada no reforço diário de toda a dinâmica de promoção e implementação do cartão branco, instrumento que valoriza os bons comportamentos na competição e que tem o mérito de envolver todos os agentes desportivos”, destacou o líder associativo, sublinhando a importância dos espetadores.

 

“Se continuarmos a ganhar os adeptos para esta missão, toda a envolvência da competição desportiva será, garantidamente, melhor”, declarou Francisco Cardoso.

 

Refira-se que coube a Augusto Baganha, presidente do Instituto Português do Desporto e Juventude, distinguir a AF Setúbal, na pessoa do presidente da Direção, Francisco Cardoso (ambos na foto, acima) como uma das três entidades que aderiram desde a primeira hora e que continuam a cimentar a sua promoção.




Os representantes de entidades ligadas ao futebol unidos pelo cartão branco

 

Coordenador do PNED elogia estrutura associativa

 

José Lima, Coordenador Nacional do PNED, o mentor do projeto Cartão Branco/Fair Play, assumiu que “a AF Setúbal foi a primeira entidade que aderiu a este cartão e, desde essa altura, tem mostrado uma melhoria ao nível de amostragem do número de cartões”.

 

A declaração do responsável do PNED é apontada como reflexo do “resultado da estrutura associativa e do seu Conselho de Arbitragem, que vê aqui um recurso excelente para a promoção do fair play”.



 

“Nos só podemos agradecer à AF Setúbal por ser nosso parceiro nesta ação, desde a primeira hora”.

 

Refira-se que nesta altura, já são 24 as entidades ligadas à dinâmica desportiva, nas mais diversas modalidades, que assumem o compromisso de implementar e promover o cartão Branco Branco/Fair Play.

 

Esta época a AF Setúbal dinamiza a amostragem do cartão Branco em 12 provas, todas relativas a escalões de formação de futebol e de futsal.


Em 2014/15 a nossa associação começou por envolver seis competições.